Home... Sobre eles... Sobre o blog... Extras... Image Map

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Invasões


Capítulo XXVI

''Happy LuAr Day''



"Eu só queria te lembrar que foi amor. Não esses amores de filmes ou novelas, mas foi um amor real. Um amor que, de tão real, teve até fim. Porque eu sei e você sabe, nada dura pra sempre e nada é tão digno da perfeição. Isso só prova que a nossa história não foi uma farsa. O sentimento foi verdadeiro, vivo, gritante. Eu te amei tanto que o meu coração era capaz de abranger o mundo, mesmo sabendo que o mundo era incapaz de compreender o tamanho desse amor. E isso era lindo. Você era lindo. Éramos lindos juntos. Qualquer um dizia, comentava, elogiava. Tínhamos aquele ar de casal que dura para sempre. E eu queria te lembrar que, por mais duro e difícil que seja aceitar, a verdade é que o para sempre não existe. Mas isso não quer dizer que eu ou você tenha lutado menos, se entregado menos ou se arriscado menos. Algo, de algum modo, nós fizemos muito certo. Porque eu sei que, assim como eu, você também deita a cabeça no travesseiro e deseja que tivesse sido diferente. Não foi, eu sei. Mas foi amor. Um amor bom, feliz, puro, sem cobranças, livre, saudável e delicioso como uma barra de chocolate. Talvez a vida tenha sido injusta com a gente. Talvez o destino invejou tanto amor habitando apenas dois corações famintos de felicidade. Talvez o tempo não tenha gostado da ideia de que nós inaugurássemos o eterno. Ou talvez nós devêssemos encarar de peito aberto que os culpados pelo fim fomos nós mesmos. A gente podia ter tido mais calma, sem pisar tão fundo no acelerador. Ultrapassamos a velocidade permitida e fomos multados com raiva, incompreensão e brigas diárias. Erramos feio. A gente devia ter medido as palavras para não magoar o outro. Deveríamos ter segurado a barra, deveríamos ter contornado a situação - deveríamos querer contorná-la. Poderíamos não ter trocado os pés pelas mãos. Poderíamos ter dito algo que mudasse a situação, que trouxesse de volta o que sempre fomos, que resgatasse de uma vez por todas aquilo que um dia já foi tão forte e único. Eu só queria te lembrar que a gente tinha tudo pra ser. E que se não fomos, talvez não era o nosso tempo. Um dia, quem sabe, a gente se reencontra no tempo certo. Iremos tomar um café, falar amenidades, comentar sobre os planos frustrados e sonhos realizados, como a sua barba cresceu, como está a minha mãe e tudo mais. Sorriremos sem saber do quê ou porquê, abaixaremos o queixo e sentiremos tudo aquilo voltar outra vez. Músicas românticas não irão tocar, nem cupidos aparecerão arqueando as suas flechas, mas dentro de cada um algo mais forte irá pulsar e só então nos daremos conta de que chegou o tempo - o tão majestoso tempo onde as coisas foram feitas para ser. Mas talvez a gente não se dê conta disso e apenas se despeça com dois beijinhos na bochecha, como velhos amigos que se reconhecem de longa data em um dia corriqueiro qualquer. E talvez não passe disso. Ainda assim, eu só queria te lembrar que as nossas músicas nunca sairão de moda e que o teu perfume ou o teu nome nunca passarão despercebidos por mim, não importa o tempo que passe. E que é nessas horas, quando eu me pego escrevendo sobre você, olhando as suas fotos e torcendo pra que a gente ainda possa dar certo algum dia, que eu me dou conta de que realmente foi amor. De que realmente tocou a alma, o coração e todas artérias do corpo. E que, independente de qualquer coisa, já valeu a pena por isso.” - Desconhecido.







Diga a ela que fomos - e como fomos - os melhores amigos que poderíamos ter. As vezes em que te fiz sorrir, sonhar, amar. Que eu fui o seu porto seguro, seu primeiro amor. Diga também que era comigo que você passava a maior parte dos seus dias e que adorávamos ir para todo e qualquer lugar juntos. Conte a ela sobre os lugares que você só foi capaz de conhecer comigo e que mesmo que você a leve até os mesmos, são as minhas lembranças que você vai procurar. Diga que você me amou como nunca ninguém antes e que eu sou uma parte da sua vida, uma grande parte que sempre vai existir em você. Fala também que mesmo que ela seja a mulher que dorme com você, ela nunca será para você, metade do eu fui. Diga, por favor. Diga…








Happy LuAr Day amores.. 2 anos acreditando firme e forte,com todo á esperança, e que continuemos acreditamos até nossos últimos suspiros !!

Fonte: PCL

#LuArDay2Anos

=D

Confira a audiência de estreia da novela "Pecado Mortal"


A nova superprodução da Record alcança ótimos índices, e supera estreias de antecessoras.


Nos últimos meses, não se falava em outra coisa na Record, a não ser "Pecado Mortal", a superprodução que marca a estreia de Carlos Lombardi na emissora.
Com um investimento bem maior do que suas antecessoras, cerca de R$ 500 mil por capítulo, “Pecado Mortal” estreou na noite desta quarta-feira (25/09) com a missão de alavancar a audiência.

Cercada de expectativa, a estreia de "Pecado Mortal" superou as estreias de suas antecessoras. De acordo com a apuração do Ibope na Grande São Paulo, das 22h30 às 23h34, a nova trama da Record registrou uma média de 11 pontos, com picos de 13. No confronto, a Globo liderou com 19; e o SBT, em terceiro, marcou 7 pontos. Os números são prévios e podem sofrer alterações no consolidado.

"Pecado mortal” é uma trama com pegada policial e drama, que mostra o enfrentamento entre bicheiros e traficantes no Rio de Janeiro de 1977.

Confira as audiências de estreia das antecessoras de "Pecado Mortal":

Ribeirão do Tempo - 12
Vidas em Jogo - 11
Máscaras - 11
Balacobaco - 8
Dona Xepa - 9

Fonte: Portal O Planeta TV/BRM

De todas as seis as únicas que eu realmente assisti e aprovei foram: Ribeirão do Tempo, Balacobaco e agora Pecado Mortal. E vocês?

“Pecado Mortal” estreia em grande estilo


Maytê Piragibe e Marcela Barrozo no prólogo de “Pecado Mortal” 


No contrato de Carlos Lombardi com a Record deve ter uma cláusula assim: “Quero que minha estreia seja em grande estilo”. E foi isso o que se viu no primeiro capítulo de “Pecado Mortal”, nesta quarta, 25/09. Agilidade é a palavra que definiu o capítulo. Desde a primeira fase da história, passada em 1941, rápida, incisiva e objetiva, até o desenrolar da trama, 36 anos depois, em 1977. Talvez o público mais desavisado tenha estranhado a rapidez de Lombardi em contar uma história, afinal ele está há seis anos afastado das novelas (a última foi “Pé na Jaca”, em 2007).
Foi acertada a estreia numa quarta-feira – dia com futebol na Globo e em que a trama das nove global termina mais cedo. A novela da Record marcou 11 pontos no Ibope da Grande São Paulo (Globo 20 e SBT 7). Estranho mesmo foi ver em “Pecado Mortal” boa parte do elenco da atração anterior, a minissérie bíblica “José do Egito”.


A primeira fase encheu os olhos com uma fotografia interessante e uma bonita reconstituição de época. Neste momento, brilhou Maytê Piragibe, segura como a vilã Donana, capaz de matar o bicheiro chefão do morro para que seu marido ocupasse a posição dele, e roubar o filho recém-nascido da mulher de seu amante para apresentá-lo como seu filho legítimo para o marido. Ufa!


De repente, a novela cortou para a década de 1970, com um clipe colorido que contrastou com a fotografia soturna da fase anterior. A trilha sonora nostálgica se fez presente durante todo o capítulo, muito bem executada, mesclando 70´s hits brasileiros e estrangeiros. Os personagens e as tramas foram sendo apresentados, mas à moda lombardiana, ou seja, com tiros, perseguições, correria, diálogos diretos e sarcásticos e torsos nus – marcas registradas do autor que o consagraram em suas tramas globais. Lombardi havia prometido moderação no humor e foco na ação dramática. E cumpriu.


Abertura bonita, trilha sonora condizente, proposta estética interessante (poucas vezes a década de 1970 foi reconstituída em nossa Teledramaturgia). Direção (geral de Alexandre Avancini) firme e elenco seguro (Fernando Pavão é o descamisado da vez.). Ótimo gancho para o segundo capítulo. “Pecado Mortal” estreou em grande estilo, sem tropeços, de tirar o fôlego – raras vezes visto na Record. Tomara que continue assim. Lembram como foi a estreia de “Amor À Vida”?

Fonte:UOL/BRM

E você o que acho da estréia de pecado mortal? Comente e vote na nossa enquete!

"O bom filho a casa torna"

Hey Rebelius de my heart, to de volta. Agora é oficial. Depois de ter quase desistido do blog, e enfrentado uma pequena crise sentimental por conta de um otário ai que eu não pretendo nomear, eu decidi que vou seguir com a minha vida e com o meu blog de cabeça erguida. Não vou abdicar daquilo que eu gosto por causa de fulano nem de ciclano. Vocês podem achar que eu estou meio radical, mas a situação exigiu isso de mim e vai ser meio complicado simplesmente voltar ao "normal". Mas aqui estou eu, nessa 'casa' que é minha e de todos vocês. Obrigada por não desistirem dela, isso é uma das coisas que mais me motivou a voltar.

Beijos

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Namorada de Rodrigo Santoro, Mel Fronckowiak lança livro


Ex-integrante da novela 'Rebelde', a atriz e escritora contou com o apoio do namorado durante tarde de autógrafos neste sábado, 24, no Rio.

                                        

Micael Borges, ex-namorado de Sophia Abrahão, vai ser pai!



                              

Casal rock n' roll: Giovanna Lancellotti e Arthur Aguiar vão ao RIR


Atoresestão na cidade do Rock para assistir aos shows que acontecem nesta sexta-feira, 13, no Rock in 
Giovanna Lancellotti e Arthur Aguiar chegaram cedo para conferir de pertinho todas as atrações do primeiro dia de Rock in Rio. Giovanna usou um look preto e branco, bem rock n´roll parar curtir o evento. Já Arthur colocou boné e camiseta, bem despojado. O casal vai assistir juntinho aos shows de Ivete Sangalo, David Guetta e Beyoncé.

O primeiro show no palco mundo começou por volta das 17h30, com a Orquestra Sinfônica Brasileira. Veja aqui tudo o que está acontecendo no primeiro dia do Rock in Rio.



Lua Blanco é a mais bem-vestida do segundo dia de Rock in Rio


Em enquete realizada pelo EGO, atriz recebeu 44,58% dos votos. Sthefany Brito ficou com a segunda posição, com 29,26%.

                                            

Lua Blanco se veste de noiva para desfile


A ex-atriz de 'Rebelde' participou de um evento nesta terça-feira, 3.

Lua Blanco se vestiu de noiva para um desfile realizado nesta terça-feira, 3, em São Paulo. Durante o evento, a atriz, que interpretou a Roberta na versão brasileira da novela "Rebelde", ainda trocou de look e usou um vestido preto. No sábado, 31, ela participou do Mc Dia Felizao lado de Debby Lagranha. Na ocasião, ela exibiu os cabelos mais escuros.


Batom vermelho reina em segunda noite de Rock in Rio

Famosas pintam a boca e curtem o rock alternativo do festival, neste sábado,14.

Após acidente, Sophia Abrahão volta a trabalhar na próxima semana


Informação foi dada pelo empresário da atriz, que disse ainda que ela está descansando em São Paulo e teve apenas escoriações leves.
                                       

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Após acidente na Dutra, atriz Sophia Abrahão deixa hospital em Lorena

'Foi um grande susto, mas estamos bem', diz cantora na internet.
Veículo dirigido pela mãe da atriz capotou em Cachoeira Paulista, SP

Após acidente na Dutra, atriz Sophia Abrahão deixa hospital em Lorena
'Foi um grande susto, mas estamos bem', diz cantora na internet.
Veículo dirigido pela mãe da atriz capotou em Cachoeira Paulista, SP.